18 de jul de 2012

SAHARA Challenge 2012 - EX-ROAD



·         Dois Lada Niva 4x4 e um Pajero-II rodaram mais de 13.000 milhas (20.800km), em 25 dias, entre a Rússia e a África, precisamente pelo deserto do Sahara.



·         Nove pessoas participaram da viagem da Letônia e da Rússia


 O fato de que a expedição deveria começar pela Rússia era bastante compreensivo.
O percurso da expedição é tradicionalmente simples: Finlândia - Alemanha - Luxemburgo - França - Espanha - Marrocos - Mauritânia - Mali - Burkina Faso – Benin.



Este ano o nome do projeto sofreu uma pequena alteração, passou a chamar-se de SAHARA Desafio EX-ROAD 2012.



 
·         Até o ferry que os levariam para Alemanha ou Suécia já se somava um total de cerca de 600 quilômetros. 


 
·         "A grande jornada começa com um passo" - provérbio chinês.



    Manhã quente de -16 ° C. durante a viagem de ferry mudaram as coisas de um lado para o outro nas prateleiras, estava tudo uniformemente espalhados pelo carro, mas o lugar não era mais o mesmo. 





 
·         A média velocidade havia subido para 100 km/h.

 
·         











 
·         Mais de uma vez, viram a admiração e espanto nos rostos das pessoas quando, mostravam a rota da expedição.






 
·         Os dias mais quentes 39º, os policiais mais corruptos, as áreas mais perigosas.



 Perrengues aconteram...




 Mecânico e soldador fizeram os arremates...


 
·         Uma possível razão do incendio foi o curto-circuito do fio de alta tensão para o temporizador.
 

 
·         Sob a fumaça espessa do capô, o motor engasgou, mas o carro não parou, algo estalou feio, a fumaça tornou-se mais e mais perigosa, e o capô travou!






 
·         Pegaram um pé de cabra para abrir o capô e só então começaram a apagar o incêndio com extintor nas proximidades da bateria. 





O carro foi rebocado para aldeia onde acamparam





·         Na viagem de volta esqueceram que o carro estava quase sem freios...






 
·         Mesmo durante a União Soviética, eles foram doados aos povos africanos como a ajuda humanitária. Uma pena que não foram cuidado como deveria...


 
·         O feliz proprietário de todos estes NIVAs é um camaronês.




 
·         Sentido anti-horário: Valery Davydov, UGIS Yansosn, Alexander Miksyuk, Janes Dardzans, Julia Skavronskaya, Iluta Skipsna, Vasilyev.


.
.
.
.Fonte:Ex-Road.ru 
.
.
.


Nenhum comentário: