27 de jul de 2014

Juca, o Camarada Niveiro da Transamazônica e seu Niva Camaleão - (post 1024)


Rogério “Juca” Hoenicke, o nosso Niveiro da Amazônia, um catarinense natural de Rio Negrinho, optou por Manaus há 18 anos para viver. 


Membro Amazonas Jeep Clube - AMJC, conta que iniciou no mundo Offroad em 2005, já em Manaus, quando fez sua primeira trilha como “Zequinha” do seu amigo Chicão, contagiado queria então ter o seu próprio 4x4.



Decidiu com a sua amada esposa Avani e filha Mirella que no final de ano seria tudo diferente, não tirariam férias para rever a família no sul, com o dinheiro das férias e parte do 13º salário comprariam um 4x4. O Niva era sua antiga paixão. Certo dia seu amigo Chicão sinalizou a venda de um Niva, mas tinha um problema, era final de outubro, a grana estaria disponível só em dezembro, olhou o carro e gostou, acertou com o proprietário que se ele não vendesse até o fim do ano o Niva seria dele, mas “...quem tem amigo não se governa...”, Chicão com medo de perder a oportunidade do negócio, emprestou o dinheiro. Assim com o apoio do amigo Chicão em 2005 tornou-se um Niveiro.





Era um Niva original, e aos poucos foi dando upgrade para ficar mais resistente e forte, primeiro colocou um AP 1.8, hoje ele está com um AP 2.0, usa pneus Mamute na medida 225/70R15 que harmonizou perfeitamente com o motor, o carro ficou uma máquina agressiva sem forçar as homocinéticas, semieixo e outras  peças do russinho, vale destacar que o semieixo é da Ensimec, feitos sobre medida para o “Camaleão”, resolvendo assim os problemas de quebra nas trilhas.




O Niva “Camaleão” hoje é a marca do Juca no Offroad do amazonas e afirma que dificilmente compraria outro jeep para trilhas, diz que é um carro de baixo custo e que o leva aonde quer.  Ele não liga muito para a aparência do seu Niva quanto à pintura, amassados, ferrugens, pois não tem o “Camaleão” para passeios em shoppings, mas sim para colocar nas matas do Amazonas, na lama, e afirma de peito estufado: “...não tenho pena de arregaçar...”




Quando comprou o Niva o camarada Juca se associou ao Amazonas Jeep Clube (AMJC), em um ano já fazia parte da Diretoria e chegou a ser presidente do clube.   Mas por uma questão de afinidades formaram dentro do clube a “Confraria dos Otários”, um grupo de amigos que gostam de trilhas médias e de altas dificuldades, trilhas com acampamentos, expedições e passeios Offroad com as famílias.




Juca e o “Camaleão” participam de expedições desde 2009, sempre pelas redondezas da BR 230 e interior do Amazonas, já fizeram todo o percurso de terra dessa estrada. Este ano participou da Expedição Lábrea 2014 contado por mim na comemorativa milésima postagem do blog - “Milésima Postagem: Um Lada Niva Na EXPEDIÇÃO TRANSAMAZÔNICA LÁBREA 2014 (post 1.000)” http://grauca4x4.blogspot.com.br/2014/05/um-lada-niva-na-expedicao.html - para 2015 a Confraria dos Otários está programando uma expedição na Serra do Sol no estado de Roraima e no país vizinho da Venezuela, e com certeza o Niva Camaleão e Juca estarão presentes.




O objetivo principal do Camarada Niveiro Juca é o lazer e relaxamento nas trilhas, em acampamentos das expedições, além de conhecer novos lugares, trilhas Offroad, e fazer amigos.
Comenta orgulhoso: “...hoje sou praticamente o único Niveiro de Manaus, ou pelo menos que faz trilhas de Niva...”

“...quero provar a todos que o Lada Niva é realmente um guerreiro e tem condições de acompanhar qualquer jeep na lama...”






.
.
.
Fonte:
Rogério “Juca” Hoenicke
Amazonas Jeep Clube (AMJC)
“Confraria dos Otários”
.
.
.

3 comentários:

Raphael Fehlauer disse...

Belas fotos.

CELSO BASTOS DA SILVA disse...

Estou em Rondonia um dia vou conhecer Manaus

Vinícius Souza Guerra disse...

É urso, cada lugar casa grossa.