2 de jun de 2010

Entrando no Mundo NNV - por Adriano (Geniva)

ENTRANDO NO MUNDO NNV
(NIVA NA VEIA)



Comprei um carro pro dia a dia. Acabaram-se os gastos com peças, mecânicos, etc...
Fiquei mais tempo em casa, descansando. Andava quase só no asfalto, enfim, tornei-me um cara normal,um motorista, como qualquer outro.
Mas faltava-me algo. E eu já sabia o que era. A mata, o campo, os rios e açudes, os caminhos e lugares que sabia que existiam e não podia visitá-los.

Então comprei ele : MEU PRIMEIRO NIVA!

Um carro que muitos chamam de droga, sem ter a coragem de conhecê-lo! Por isso jamais saberão o prazer que ele dá.
O orgulho de possuí-lo mistura-se com a dor e o cansaço de ter que mantê-lo em forma, em dia, inteiro. As vezes satisfazendo-se apenas por estar andando, isso já basta para alegrar-nos!
Diriam-me aqueles que o desconhecem: “QUALQUER CARRO TEM, NO MÍNIMO O DEVER DE RODAR!” Respondo-lhes como niveiro de coração: Após ver nos fóruns opiniões de muitos outros como eu, estou aprendendo o básico de informática, e conto com a ajuda de todos irmãos niveiros que concordarem com minhas opiniões para podermos divulgar esse inexplicável vício que hoje faz parte de nossas vidas.

Do mesmo modo que as pessoas com as quais me relaciono, ao lerem esse artigo, ficaram surpresas e até curiosas em relação ao niva, todos compreenderão,ou ao menos pensarão duas vezes antes de se arriscar falar mal dele!!!
Nunca fui apegado à bens materiais. Adoro minha família, amo minha esposa e meus filhos. Mas porque alguém foi escrever um dia que NIVA TEM ALMA??? Isso não saiu mais da minha cabeça, e me fez escrever isso tudo.
Que vício louco é esse que a gente não faz a mínima força pra sair dele?
Que prazer nos dá em passearmos com a família, conhecer lugares que não chegaríamos em um carro normal. Passarmos por barrancos e rios, com um enorme sorriso de orelha á orelha. Só loucos como eu sentem orgulho em ter um carro que a maioria das pessoas não fazem a mínima questão de possuir!

Adriano (GENIVA):
adriano.gehres@gmail.com
.
.

2 comentários:

Flávio disse...

Claro que o Niva tem alma. E depois que ela se apega ao dono é dificil a separação. As vezes nem no litigioso rsrsrs.Parabéns pela narrativa.

Leo Couto disse...

É isso aí man, NIVA go for it! As vezes passamos raiva mas, fazer o que né, é o que temos.
Abraços.